Cabeçalho 1

7 de jul de 2009

Atraso irrita comandante geral da PM

Um problema identificado pela Procuradoria Geral do Estado atrasou a apresentação do projeto de valorização e reorganização salarial dos policiais militares. O atraso irritou o comandante geral da Polícia Militar, e seu staff de oficiais, fazendo com que eles deixassem a Assembleia Legislativa e se dirigissem ao Quartel do Comando Geral.

Até agora, 17h17min, não foi lido no Expediente da Alesc qualquer projeto referente a segurança pública - desmentindo a promessa feita pelo governador LHS em webconferência.